inspiration2

Bones - 7x05 - The Twist in the Twister

Que Bones me perdoe, mas se não era pra rir de uma cena dessas, era pra fazer o quê?


Que Bones me perdoe, mas se não era pra rir de uma cena dessas, era pra fazer o quê?

Depois de um excelente episódio, nada melhor que outro excelente episódio. Este, sem dúvida, bateu o record de comédia dentre os 5 já exibidos, e ainda teve a participação do squint Colin Fisher, um dos meus preferidos.

O caso da semana foi excepcional. O coração do telespectador quase saiu pra fora quando, no meio do mesociclone, surge Bones correndo igual uma doida para entrar no abrigo. Veja só, Booth quase tinha sido serrado ao meio segundos antes e Bones está com um barrigão tão imenso que se cai no chão não consegue se levantar! E a gente achava que já tinha visto todas as loucuras dessa mulher...

Fofura foi o que não faltou. O pai de Angela voltou a dar seu show de participação. Toda vez que ele aparece ou alguém sai tatuado ou acorda no meio do deserto... ou os dois. Mas dessa vez a "única" coisa que ele fez foi tatuar o neto de 8 meses e viciar o menino em rock. Coisa de avô normal. 

A outra fofura que "The Twist in the Twister" nos trouxe foi Booth querendo (praticamente) carregar Bones no colo. Ele certamente não é o primeiro homem do mundo a agir assim, é só o cara descobrir que a fêmea está carregando sua "progênie" e o botão do instinto superprotetor automaticamente se liga. Esta automaticidade nos presentou com uma das melhores cenas de Bones, com B&B protagonizando uma cena totalmente censurável bem na cara do povo e do ladinho de um cadáver. Só em Bones mesmo a gente vê uma preciosidade dessas.

No final das contas o Squint doido teve uma baita sorte e ganhou o coração da menina que conheceu na noite anterior. Não posso deixar de mencionar isso porque... não é só ele que é doido, ele herdou os genes da mãe. Então, boa sorte, garota. 

Angela e Hodgins pararam com a bobeira de não querer deixar o pequeno Michael curtir uns momentos com o vovô. É engraçado ver isso até porque, como o próprio avô diz, sua filha foi criada nos bastidores dos shows, ouvindo seu pai tocando a vida inteira. E, bem, o trabalho dele com ela saiu muito bem feito. Uns minutinhos só com o neto, então, não dava pra deixar ninguém "super-estimulado". Ao contrário disso, o bebê terminou dormindo o sono dos anjos.

The Twist in the Twister é o último episódio exibido neste ano. Bones só volta ano que vem, dia 12 de janeiro, com o 7x06, The Crack in the Code. Eu, humildemente, fico no aguardo de umas faíscas entre o casal B&B. Não, eu não vou me cansar de falar isso. Apesar destes dois últimos episódios terem sidos excepcionais, eu QUERO mais. Quem sabe depois que Emily Deschanel voltar a gravar sem gravidez as coisas andem mais um pouquinho, né... quem sabe.


P.S.1: Cadê as cenas no bar? Alguém além de mim sentiu falta delas? 
P.S.2: Saboreiem um pouco mais da cena "proibida" aí:

Reações: 

Relacionados

Review 5955842243281896721

Postar um comentário Comentários via BLOGGER (0) Comentários via DISQUS

Para inserir no comentário:

# Um vídeo: [video]link-do-video-do-youtube[/video]
# Uma imagem: [img]link-da-imagem[/img]
# Um emoticon: clique na carinha acima da caixa de comentários, copie o nome do emoticon e cole.

Comentários educados são sempre benvindos.

emo-but-icon

EeF na Rede


   

Comentários

Arquivo

Categorias

Séries

Tags

Agenda de Episódios

Recentes

Twitter

Facebook

item