inspiration2

Castle - 5x01 a 5x04

O sonho virou realidade. E agora?


O sonho virou realidade. E agora?

Fiz uma maratona de Castle, ou seja, engoli as quatro primeiras temporadas em duas semanas e comecei a acompanhar a série agora. Castle é simples. Sua trama é básica e gira mais em torno de Rick e Kate. Não é muito difícil de entender o fascínio que a série causa. Os produtores/criadores sabem disso e é esta a razão de enrolarem tanto na tensão sexual... para só depois de muito tempo permitir que os pombinhos fiquem juntos.

Agora o sonho se realizou. Beckett finalmente cedeu e abriu seu coração para Castle... mas não sem antes passar bem pertinho da morte (e passar pela fase do quero-me-demitir), claro. Com a aproximação dela na história do assassinato de sua mãe, a detetive acabou enfrentando forças maiores do que ela e, apesar da insistência de Rick para que ela parasse de fuçar, a teimosa não acatou o pedido. A gente lembra bem da Season Finale passada, né. Ele dizendo pra ela que a amava e que fez de tudo para protegê-la... e ela resmungando que ninguém era dono da vida dela. Birra típica de Kate Beckett.

Mas agora a situação é outra. Na Season Premiere, Kate conseguiu chegar perto do mandante de tudo: o senador William H. Bracken (Jack Coleman). Desta forma, a série mergulhou completamente no estilo teoria da conspiração, fazendo de William um psicopata poderoso que tira a vida de quem ele quer só para manter seu trabalho de "fazer o bem para a sociedade". Beckett ainda conseguiu blefar dizendo que tinha os documentos que Michael Smith mantinha. Uma mentira que está mantendo ela e seus entes queridos vivos.

Basicamente, Castle encerrou por ora esta trama. Assim como a série vem fazendo no decorrer destes quatro anos, o mistério do assassinato da senhora Beckett aparece nas Premières e Finales para apimentar e deixar curiosidade para o ano seguinte. Provavelmente não veremos nada sobre isto tão cedo, e provavelmente não veremos um desfecho de senador Williams versus Kate nesta temporada.

Agora, no entanto, tudo está concentrado no relacionamento dos protagonistas. Castle, como era de se prever, está nadando de braçada no namoro. Afinal, ele e nós sabemos que ele é quem mais ama nesta relação. Digo isto porque depois de tudo o que passaram juntos, Beckett se comporta como se estivesse pisando em ovos.

A questão não é nem a tentativa -- já fracassada -- deles de esconderem o romance. Faz sentido, já que a Capitã Victoria Gates não pensaria nem duas vezes para chutar a bunda de Castle se descobrisse o rolo. O negócio é que Kate parece não ter certeza. Ela fica duvidando dele, questionando seu passado de "muitas mulheres". Primeiro, quem ela acha que está namorando? Desde a primeira vez que se viram ela soube que ele era rico, bonito e mulherengo.

Segundo, pra que ela perde tempo pensando nas mulheres do passado dele? Como ele disse, nenhuma delas era ela. Castle não foi quase morto diversas vezes por outra mulher. Foi apenas por ela. Ele não perde o tempo dele seguindo outra mulher o tempo todo para todo lugar, há quatro anos. Ele segue apenas ela. Sinceramente, essas dúvidas e birrinhas de Beckett nem deveriam passar pela cabeça dela. Ela já encontrou seu príncipe encantado e fica aí dando uma de insatisfeita.

Mas esta provavelmente será a deixa para o primeiro fim do namoro deles. Claro, você não acha que de agora em diante eles ficarão juntos e felizes para sempre, né? Eita. Até o Series Finale ainda teremos muitos altos e baixos, e minha aposta é de que Kate é que dará para trás nesta história de amor. Pobre Castle.

Dentre os personagens coadjuvantes, Alexis finalmente foi para a faculdade. Como sempre tudo entre ela e o pai é fofo, então a despedida deles foi um misto de amor e tristeza. Quando ela pede para ele checar uma última vez para ver se tem monstros embaixo da cama, meu coração derreteu. Esses dois são a dupla mais fofa da série.

Ryan e Esposito "investigando" o novo namorado de Beckett foi o máximo. Adoro que os dois sempre arrumam uma justificativa para aprontar o que quiserem, vide o temor que eles tinham pela segurança de Kate caso o namorico dela fosse bad news. A cena de Ryan interrogando o suspeito do caso do 5x04, perguntando a descrição da acompanhante de Castle foi demais. Ri muito dele se alterando, gritando e batendo na mesa como se a coisa fosse muito séria. Tudo em prol da segurança de Kate Beckett, é claro.

Outra coisa que imaginei é que Lanie já sabe sobre o romance. Primeiro que ela conhece muito bem a Kate e, seguindo o raciocínio investigativo de Ryan e Esposito, ela já deveria ter chegado à conclusão antes deles, não é? Bom, de qualquer forma, parece que quem anda descobrindo sobre o novo amor do século está guardando o segredo. Vamos ver até quando.

Castle sempre usa metalinguagem em seus episódios, qualidade que aprecio muito na série. Desta vez, Rick achou um termo Brangelinado para ele e sua amada: Casckett. É seguro dizer que os fãs que viram esta cena em "Murder He Wrote" tiveram um ataque cardíaco. O casal Casckett se autodenominando Casckett. Haja coração.

Podemos dizer que o inicio desta quinta temporada tem suprido as expectativas. Particularmente,  eu esperava mais cenas de sexo entre Castle e Kate, visto que depois de quatro anos de tensão sexual, os dois devem ter muito o que fazer juntos, certo? Mas por outro lado deve fazer sentido que apenas insinuações ocorra entre eles. Pode ser por causa da emissora e por causa do horário de exibição da série, na verdade. Porém, mesmo assim os roteiristas estão trabalhando em bons momentos de intimidade para os dois, o que já vale muito.

Já tivemos Kate se escondendo dentro do closet de Rick, já vimos ela fazendo cena de ciúme e pegando ele embaixo de uma mulher de biquíni, já assistimos os dois tentando um final de semana romântico -- que foi prontamente interrompido por um assassinato -- e por aí vai. O negócio está ficando tão bom que ela já até chama ele de namorado, e Alexis e Martha sabem do rolo... Ou seja, tudo indica que Casckett já é "oficial".

E o universo agradece.



P.S.: Como Castle não dispensa uma boa referência, "Murder He Wrote" remete à série "Murder, She Wrote". Ela teve 12 temporadas, de 1984 a 1996, e foi estrelada por Angela Lansbury, que interpretava a escritora de mistério e detetive amadora Jessica Fletcher. A descrição te lembra de alguém?

P.S.2: Cole Maddox, que quase matou Kate no 4x23 e morreu no 5x01, era interpretado pelo ator Tahmoh Penikett, que conheci lá em Dollhouse. Eu esperava que ele fosse participar mais da série... mas Castle cortou meu barato rapidinho e explodiu o vilão. Que maldade.
Reações: 

Relacionados

Review 6508162374713253576

Postar um comentário Comentários via BLOGGER (0) Comentários via DISQUS

Para inserir no comentário:

# Um vídeo: [video]link-do-video-do-youtube[/video]
# Uma imagem: [img]link-da-imagem[/img]
# Um emoticon: clique na carinha acima da caixa de comentários, copie o nome do emoticon e cole.

Comentários educados são sempre benvindos.

emo-but-icon

EeF na Rede


   

Comentários

Arquivo

Categorias

Séries

Tags

Agenda de Episódios

Recentes

Twitter

Facebook

item