inspiration2

The Good Wife - 4x02 a 4x05

A boa esposa está parecendo um cachorrinho que vê a sombra de seu rabo refletida pelo sol e fica dando voltas querendo alcançar o segund...


A boa esposa está parecendo um cachorrinho que vê a sombra de seu rabo refletida pelo sol e fica dando voltas querendo alcançar o segundo rabo.

No final da temporada passada, reclamei demais do rumo que TGW tomou. A única coisa que eu via era a série repetindo a si mesma, voltando ao final de sua 1ª temporada em seu 3º ano de existência. Realmente não faz sentido. E não importa se o nome da série é "A Boa Esposa". O título que a obra leva não é desculpa para não existir evolução.

Alicia nunca resolve se divorcia ou se perdoa completamente. Ela não decide se confia ou se deixa de confiar. Ela não demonstra amar nem odiar Peter. Com ela tudo fica no meio termo. E isso não é demonstração de caráter ou de ela ser "manipuladora". É exatamente o contrário: ela não sabe o que quer e nem sabe quem ela é. Ela não quer nada, não faz nada, não segue em frente, não volta para trás. A série que era para ser sobre uma mulher forte está transformando a tal mulher forte numa mulher vazia. Alicia Florrick empacou. The Good Wife empacou.

Maddie Hayward, a nova personagem que investe na campanha de Peter, entrou na série para tomar as dores da protagonista. Maddie fica andando pra lá e pra cá caçando uma brecha na fidelidade do homem, agindo como se fosse a policial da cerca que ele adora pular. Ela se indigna com a canalhice do marido de Alicia enquanto esta se preocupa em defendê-lo de mais uma calúnia de mais uma loira interesseira. É brincadeira? Quem dera. A merda tomou proporções tão grandes que Jackie ELOGIOU a nora. Jackie elogiou Alicia.

Falando em Jackie, esse negócio de ela perder os parafusos de vez ficou estranho. A força da personagem está no fato de ele ser extremamente racional e machista. Se estão tirando isso dela, o que ela será então? Uma velha louca que vê insetos por todos os lados? Este é o pior fim que poderiam imaginar para a pior sogra. 

A história do marido de Kalinda gerou tanto suspense e no final... aguou. Que sem graça é a enrolação daqueles dois. Não bastasse a série ter prometido a cena de sexo do século entre eles e não fazer nada além de insinuações, agora somos obrigados a aguentar aquela ladainha de "Kalinda, eu te amo, você é minha e de mais ninguém". Eles estão transformando Kalinda, outra mulher supostamente forte, numa figura totalmente impotente. Existe uma saída muito fácil para este plot: uma bala na cabeça de Nick e alegação de auto-defesa diante do júri. Pronto, acabou.

Os produtores disseram que vão encerrar a história do casal porque eles descobriram que o público não quer saber da vida pessoal dela. Não é bem assim. Querer saber sobre o passado dela nós queremos. O que nós não queremos é vê-la atolada neste caso tórrido de amor que ainda conta com uma policial-stalker no pacote. A suruba foi longe demais.

Só há uma coisa notável entre os casais Peter-Alicia e Kalinda-Nick: Alicia é a mulher que pode sair de um relacionamento de merda mas não quer, e Kalinda é a mulher que quer sair de um relacionamento de merda mas não pode.

A trama da firma indo à falência também se estagnou. O administrador Clarke Hayden quer ajudar, Diane só sabe dar patada nele, ela e Will ficam empurrando os casos para frente para ganhar mais dinheiro. Cinco episódios com os mesmo acontecimentos parece uma tentativa de explicar esmiuçadamente a situação. O problema é que nós já sacamos (muito bem, obrigada) o que está acontecendo desde o 4x01.

Os casos jurídicos continuam bons, mas também não andam trazendo nada de novo. Tirando o do 2x05, que trouxe Lemond Bishop de volta, o resto já vimos muito parecido na série. Tudo bem que existe um determinado ciclo onde surge o caso, eles começam perdendo, depois descobrem alguma vantagem e vencem. Mas o contexto dos casos está muito similar com outros de anos anteriores.

A impressão que eu tenho é que os roteiristas se reuniram e falaram: The Good Wife está muito boa. A crítica e as premiações já reconheceram nosso primoroso trabalho. E ela está tão boa que nós vamos apenas repetir tudo o que já fizemos. Vamos tirar férias mentais porque não precisamos de inovar nada mais na fórmula que criamos.

Eu até tentei ser menos discordante com TGW no início desta temporada (como você pode ver aqui), mas o barco está afundando e eu não gosto do que vejo. Está chato. Cansativo. Destrutivo. Não dá para acreditar que uma série tão promissora e com tanto potencial vai se perder no labirinto que ela mesma criou.


P.S.: Cary está de volta à firma e (continua) sobrando o tempo todo: que droga hein, TGW?

P.S.2: Já passou o mouse sobre a imagem da review? Testa lá...
Reações: 

Relacionados

The Good Wife 4ª Temporada 2777259001934729528

Postar um comentário Comentários via BLOGGER (0) Comentários via DISQUS

Para inserir no comentário:

# Um vídeo: [video]link-do-video-do-youtube[/video]
# Uma imagem: [img]link-da-imagem[/img]
# Um emoticon: clique na carinha acima da caixa de comentários, copie o nome do emoticon e cole.

Comentários educados são sempre benvindos.

emo-but-icon

EeF na Rede


   

Comentários

Arquivo

Categorias

Séries

Tags

Agenda de Episódios

Recentes

Twitter

Facebook

item